14 de nov de 2013

Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças (Eternal Sunshine of the Spotless Mind)




Eu DEFINITIVAMENTE preciso ver mais filmes... T.T

Em pleno dia dos Namorados, Joel (Jim Carrey) resolve faltar o trabalho e ir a uma praia distante de sua residência. Ele vai mesmo sem ter motivo algum para ir. Durante a viagem, ele conhece Clementine (Kate Winslet) uma garota que parece mudar de humor a cada duas frases ditas. Enfim... Os dois acabam se aproximando. Ao ver sua namorada se relacionando com outro cara e agir como se não o conhecesse, Joel descobre que Clementine pagou a uma empresa para que todas as lembranças relacionadas a ele fossem apagadas. Inconformado, Joel resolve passar pelo mesmo procedimento e apagar todas as memorias dela.

(Alguém poderia me dizer por que Mark Ruffalo só faz papel de cientista maluco?)

A partir daí, o esquema do filme muda. O filme mostra Joel passeando em suas próprias lembranças durante o procedimento de apagamento de lembranças. Imagine-se se vendo em uma sala de monitoramento cerebral com as vozes dos médicos falando (em uma fala completamente desconexa com a cena) algo sobre a voltagem dos fios, e, ao mesmo tempo em que você revive lembranças de antes de o procedimento começar.
 
Detalhe: a equipe que faz o apagamento de memórias é bizarra! O cara está quase em coma na cama, com uma parafernália cheia de fios ligados a um capacete, enquanto eles assaltam a geladeira, comem da sua comida, mexem nas suas coisas, colocam um prato de comida em cima de você, se drogam na sua cama e passam a noite toda cagando e andando para o procedimento que eles são pagos para fazer.

Aos poucos Joel percebe o quão precioso as lembranças de Clementine são. (É legal quando ela aparece chorando dizendo ao atual namorado que ele estava desaparecendo). E ai começa uma corrida desesperada para salvar nem que seja um pouco dos momentos em que passaram juntos.
O meu senso de comédia deve ser MUITO estranho, sério. O que eu vi nesse filme foi uma ficção científica muito bem disfarçada de drama, eu quase (veja bem, QUASE) fui às lágrimas. Rsrsrs

3 comentários:

  1. Oi Flor!
    Indiquei Vc numa Tag no meu Blog!
    Tag - Desafio 30 Dias - Séries Literárias!
    Vou Participar dessa Tag, achei muito Divertida. O negocio é o seguinte, a Tag consta em Responder essas questões durante 30 Dias indicando a sua opinião sobre as Séries Literárias! A cada Dia respondido a pessoa deve indicar cinco Blogs Literários (e avisar eles!) para responder a Tag.
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/11/tag-desafio-30-dias-series-literarias.html
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela Tag, a farei assim que possível.

      Excluir
  2. Sou louca pra ver esse filme, morre de curiosidade pela estoria, ah chorar em comedia é especialidade da minha irma hehe, mas tem filmes desse gênero que só disfarçam por que a verdade são um grande drama rsrs

    bjos

    ResponderExcluir

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)