19 de abr de 2014

Os Melhores Contos Orientais - Vários Autores



Quando ganhei o vale-compras da Saraiva da Hellen no meu aniversário, meu primeiro impulso foi comprar um Tolkien. Entre as opções, estava “Arvore e folha” por 19.90 que me atraiu quase instantaneamente. Mas esse exemplar da Martin Claret foi encontrado nas páginas de mais baratos e não foi difícil decidir pela compra: conheço a editora por algumas publicações pockets e sabia que era coisa de qualidade (inclusive, acho que encontrei uma coleção que pode rivalizar com a minha amada Zahar, mas só confirmarei quando voltar a comprar livros). Não estava enganada: o papel é ótimo para a leitura e a edição é linda.

Esse livro é composto pela reunião de contos da Índia, da China e do Japão, e faz parte de uma série que tem por objetivo mostrar para os leitores brasileiros um pouco mais das diferentes culturas existentes pelo mundo.

Confesso que achei a maioria dos contos indianos confusos (e nem o glossário conseguiu ajudar com aquele monte de palavras de pronuncia estranha), gostei de dois ou três contos, que por sinal foram os que fizeram mais sentido e talvez tenham me ensinado algo de útil. :P

Há um conto na parte chinesa (um que inicia na pagina 77) que talvez nos ajude a entender como um povo tão grande consegue passar o ano inteiro com apenas 5 dias de feriado.
"Um dia sem trabalho é um dia sem alimento."
Provérbio Chinês
Os contos japoneses acabaram se firmando como meus preferidos, pois foram os menos confusos e de leitura mais fácil. Fora que são os que fizeram mais sentido. rsrs

Por mais que tenha gostado desse livro, vou passá-lo para frente. Mais  do que qualquer um, acho que ele merece ser compartilhado, e talvez seja mais útil para outras pessoas do que foi para mim.

Um comentário:

  1. Estava procurando livro(s) para indicar para alunos, no meu livro, sobre a Índia, China e Japão, e topei com esse comentário que você fez em seu blog, e gostei do que li. Você escreve bem, é objetiva e crítica no bom sentido. Adorei.
    Eu tenho um blog mas não é interativo como o seu. Se vc quiser me dar o prazer de sua visita, aí vai: http://divaltegarcia.blogspot.com.br/
    Também estou no Facebook e meu e-mail é divalte@zipmail.com.br

    Abraço

    ResponderExcluir

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)