14 de dez de 2014

Sétimo - André Vianco


O problema de se fotografar capas escuras é que dá para ver a silhueta da fotógrafa... Mas infelizmente não encontrei uma imagem decente da minha edição na internet. Acabei escolhendo a "menos pior" entre as que eu tirei. =x

Sétimo é a continuação de Os Sete, e foi lançado em 2002 pela Novo Século (e não é nada recomendável ler Sétimo sem antes ter lido Os Sete). O que me lembra:

CUIDADO! Esta postagem pode conter spoilers de Os Sete!

Tiago, que sobrevivera à bomba nuclear graças ao vampiro Gentil, está se transformando em um vampiro e ele sabe disso muito bem. Assim como sabe que dom Manoel, o vampiro Lobo, jurara seu amigo de morte.

E, mais do que tudo, sabe que Sétimo, o vampiro despertado a pedido de Miguel, é o único que pode proteger o amigo e ensiná-lo a controlar seus novos instintos. Essa não é uma decisão sábia, Tiago possui certeza quanto a isso, mas se é ruim com Sétimo, é pior ainda sem ele.

Pelo menos é assim até o vampiro mostrar que falava serio ao dizer que montaria seu exército, que espalharia o medo e o terror pela terra... Pobre Sétimo... Justo ele foi inventar de escarnecer o diabo...

Após Lobo tirar a vida do homem que tirou Sétimo de seu sono, o desejo de Tiago de impedir o avanço de Sétimo ressurge. E ele não está só. O diabo deu a ele poderosos aliados: os cinco vampiros D'Ouro destruídos pela bomba nuclear e um dom tão incrível quanto os de seus aliados.

A narração deste livro envolve cinco pontos de vistas principais que são distintos entre si, porém complementares: o de Tiago, o de Sétimo, o de Lobo, o do guerreiro Tobia e o do Exército. Muitas vezes mais de uma perspectiva é usada no mesmo capítulo, mas o desenrolar da história não fica confuso.

Demorei a terminar esse livro por falta de tempo. A semana foi meio atribulada demais e nem o movimento do cartório colaborou. :( Mas ao contrário do que aconteceu com a leitura de Os Sete, o tempo ficou quente e convidativo, e eu agradeci por isso a quase todo instante, rsrsr

Não me arrependo de pegar este livro para reler. Mesmo já conhecendo a história, a dinâmica da narração manteve o gostinho de novidade no ar. :)

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)