22 de jan de 2015

Harry Potter e a Pedra Filosofal - J. K. Rowling

Primeira capa do primeiro livro, lançado aqui no Brasil em 2009.

Harry Potter é, de longe, a saga que mais marcou minha vida. Atrevo-me a dizer que ela me iniciou como leitora e, não a toa, iniciou minha biblioteca particular também.

A Rua dos Alfeneiros é um lugar normal habitada por pessoas normais. E a família Dursley é uma família típica do lugar. Em um dia estranho, o Sr. Dursley avista pessoas vestindo-se de maneira estranha na rua, corujas voando em plena luz do dia, e até um desconhecido o abraçou na rua e o chamou de trouxa como se fosse a coisa mais comum do mundo.

Durante a noite, um senhor estranho, vestido de maneira estranha coloca, na porta dos Dursley, uma cesta com um bebezinho dormindo a sono solto. O nome desse bebê é Harry Potter.

Harry não é uma criança comum, ao menos não par aos padrões "Dursley" de normalidade. Após a visita do do enorme guarda-caça Rubeo Hagrid, Harry descobre ser um bruxo . Mais que isso, ele é um bruxo com uma vaga na maior escola de Magia do mundo: Hogwarts.

E é em Howgarts que 90% do livro acontece. É lá que Harry conhece Rony Weasley e Hermione Grangers, seus melhores amigos, assim como outros alunos que se tornarão igualmente importantes para ele. É lá que Harry se torna o mais jovem apanhador do time de Quadribol da escola. É lá que ele começa sua inimizade com o nojento e mesquinho Draco Malfoy.

E é lá também, que Harry impede, pela primeira vez, o retorno do bruxo que o tornou famoso antes mesmo de saber falar ou andar: Voldermort, o bruxo que matou os pais de Harry e desapareceu ao tentar matá-lo, que durante anos foi o mais temido do mundo mágico, arquiteta um plano para obter a posse de uma substância lendária e retomar seu antigo poder.

Uma das coisas incríveis desse livro, é que ao longo de toda a narrativa, algumas frases marcam tanto, que nos fazem aprender algumas coisas quase por osmose e acabam nos marcando para toda a vida. Uma das minhas preferidas acontece logo após Hagrid levar Harry para comprar seu material escolar e Harry diz que está nervoso por não saber como vai ser sua vida em Hogwarts. Hagrid diz alo mais ou menos assim: 
Todos começam pelo começo em Hogwarts, você vai se dar bem. Seja você mesmo. Sei que é difícil. Você vai se sentir discriminado e isso é muito duro. Mas vai se divertir muito em Hogwarts.
Para mim, existe uma nostalgia incrível em reler Harry Potter. E não tenho dúvidas de que o lerei novamente mais para frente. :3

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)