24 de jul de 2015

Ariana - Igor Gielow


Mark Zanders é um jornalista brasileiro que está passando uma temporada no Paquistão como correspondente de guerra do jornal em que trabalha. Em um dia que seria mais um entre tantos outros, Mark acaba se vendo como o único sobrevivente de um atentado a bomba.

Antes de cair desacordado, Mark consegue escutar Waqar, seu assistente local dizer suas últimas palavras: "Você precisa encontrar Ariana.".

A busca pela resposta à sua pergunta, "quem ou o que é Ariana", o leva a um diário pertencente a uma menina de quinze anos que, enquanto conta sobre seu casamento arranjado e sobre seu amor de adolescência, acaba vendo e lendo o que não devia e se coloca no meio de uma história de perigo em escala mundial.

O ponto central deste livro pode até ter alguma coisa de interessante, mas seja lá qual for, ficou escondida no meio de uma narração para tão arrastada que chega a dar sono (não devo ter conseguido ler cinco páginas sem ficar com minhas pálpebras pesadas).

Talvez por causa da experiencia jornalistica do autor (Igor é correspondente da Folha de São Paulo desde 2002), Mark acabou contando tanto sobre noticias, fatos e rumores locais que a parte literária ficou soterrada no meio de tanta informação.

Após inacreditáveis 144 páginas lidas quase como uma zumbi, desisti.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)