27 de jul de 2015

Queimada - P. C. Cast


Os acontecimentos do sexto livro despedaçaram a alma de Zoey Redbird. O problema é que a vontade dela de ficar na paz do Mundo do Além junto com seu amado e finado Heath colocaria o mundo nos trilhos para a completa dominação das Trevas. Queimada é sobre a corrida contra o tempo de Aphrodite, Stark e da horda de nerds para ajudar Zoey a reagrupar sua alma e fazê-la retornar ao mundo dos vivos.

A trama em Queimada se passa em dois mundos diferentes, o dos vivos e o do Além, e a narração, assim como em Tentada, é dividida entre vários personagens.

Uma coisa que eu acho legal em Queimada, é que ele foca demais no poder de escolha que a pessoa tem. Apesar de isso ter convertido um garoto fofo em um filho da mãe do mal e um meio-corvo do mal em algo potencialmente muito lindo e muito, muito fofo (com direito a fazer parte do principal ship deste livro e um dos maiores da saga), este livro não trás nada daquela confusão que é Zoey e seus namorados (o que já foi um avanço e tanto).

Se não me engano, este livro é o último da série que estou relendo (eu tinha ficado tanto tempo sem acompanhá-la que acabei por decidir em relê-la inteira), e estou bem feliz em perceber que, se eu conseguir continuar no ritmo em que estou (um livro da série por mês) vou conseguir deixar o próximo ano para outra série longa (que também envolve vampiros).

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)