21 de jan de 2016

Omertà - Mario Puzo


Embora não tenha se comparado ao surto que dei ao encontrar um dos livros de Jornada nas Estrelas, fiquei SUPER feliz por este achado. Mario Puzo é um autor maravilhoso e seus livros são, em geral, bem difíceis de ser encontrados.

Omertà é um código de honra siciliano que proíbe passar informações sobre crimes relacionados a negócios considerados pessoais das pessoas envolvidas. A pessoa que quebra a omertà perde a proteção de seus amigos e seu único destino é o desaparecimento definitivo.

A história começa de quando dois assassinos de aluguel matam um poderoso capo da máfia que estava aposentado (e dentro da lei) já há vários anos. Assumindo os negócios da família após a morte do don, Astoere Viola, filho de criação de Raymond Aprile, inicia sua caça aos responsáveis por tal crime.

Alternando diferentes visões narrativas (que incluem a de Astorre, a de um agente do FBI e de mais alguns outros personagens da trama), Mario Puzo leva mais uma vez seus leitores aos bastidores da máfia nos Estados Unidos. Gostei bastante desta história, embora tenha que admitir que os Corleone me envolveram de maneira muito mais definitiva

Este o último livro de uma trilogia iniciada com o icônico O Poderoso Chefão, e também o último publicado antes da morte de Puzo, em 1999. As três histórias de máfia (O Poderoso Chefão, O Último Chefão e Omertà), não estão interligadas por eventos diretos (pelo menos não que eu pude perceber), mas todas tem como fundo o desejo dos grandes chefes de se integrarem à sociedade, regularizando seus negócios e afastando seus herdeiros do mundo do crime (ou, pelo menos, da parte mais feia dele).

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)