18 de mar de 2016

Aprender A Viver - Luc Ferry


Uma das coisas que estou adorando na TAG - Experiências Literárias é que ela está me proporcionando acesso a livros que normalmente não me chamariam atenção. Graças a ela, estou saindo (ainda mais) do meu lugar comum e conhecendo livros e autores novos.

Neste livro, o que me foi apresentado de novo foi a filosofia.

Aqui, o filósofo francês Luc Ferry se propõem a dar a seus leitores uma explicação geral sobre alguns dos grandes momentos dessa disciplina que, por vários motivos, quase sempre é colocada em segundo (ou terceiro, ou quarto) plano no interesse dos alunos.

O que me chamou atenção é que Ferry consegue passar todas as informações que ele quer, sem recorrer à palavras complicadas nem a teorias (muito) desconhecidas. O autor é direto no que quer falar, de modo a não perder tempo dando voltas no mesmo ponto, e não deixa de ressaltar o que, no ponto de vista dele, merece algum reforço. Mesmo os exemplos e os trechos de referência utilizados são de fácil compreensão. (E, se ele achar que o exemplo ainda não ficou claro, ele lhe dará outro, que sempre virá acompanhado por uma explicação do exemplo tomando por base o ponto em que ele quer chegar).

Lembro-me que, durante os primeiros semestres da faculdade, fiquei mesmo animada em aprender filosofia, mas, a medida que a disciplina foi sendo dada, desanimei. Fiquei desmotivada não apenas pela quantidade de textos passados, mas também pela dificuldade que era a interpretação dos mesmo e por algumas deficiências que meus professores (e minha turma) apresentaram.

Aprender a viver é mais uma iniciação filosófica do que um aprofundamento no tema. As grandes ideias geradas pela filosofia ao longo do tempo são abordadas sem que sua riqueza e sua profundidade sejam perdidos. 

Apesar da quantidade de informações, elas são passadas de maneira branda, de modo que é bastante fácil sobreviver a leitura. No todo, estou contentíssima com a leitura, e sei que, de alguma maneira, consegui absorver bastante do que Luc Ferry se propôs passar com Aprender a Viver.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)