15 de mai de 2017

A Garota do Calendário (Julho) - Audrey Carlan


Aos ocorrências de Junho não fizeram com que Mia desistisse de sua jornada, a dívida com o ex-namorado e agiota que colocou seu pai em uma cama de hospital em estado de coma está menor, mas ainda longe de acabar. Depois de recarregar as energias ao lado de amigos queridos como Mase e Tai, a hora de partir para o próximo cliente chegou.

Em Miami, o cliente da vez é o astro do hip-hop Anton Santiago, mais conhecido como Latin Lov-ah. Ele está produzindo um vídeo-clipe para sua nova música de trabalho e, após ver fotos de Mia nas revistas com seus outros clientes, sabe que ela é a garota ideal para seu projeto.

Julho é um mês amargo, as lembranças do mês anterior estão recentes demais e, em vários momentos, lembranças do terrível episódio vieram a tona e desequilibraram o clima entre Mia e os recém conhecidos. Mas Julho também foi um mês de compreensão, entendimento e, por que não dizer, novos começos.

Gostei Julho por que Audrey conseguiu tratar muito bem um assunto delicado (por razões de spoiler, não posso falar muito, mas, se você por ventura já leu o livro de Junho, saberá do que estou falando). Assim como me enchi de alegria quando as cartas foram postas na mesa e ela admitiu algo que sabe desde Janeiro.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)