1 de fev de 2018

Muito Além do Inverno - Isabel Allende


Conheci Isabel Allende ano passado (acho), com o livro O Amante Japonês, que recebi do Grupo Editorial Record. Foi uma das autoras que gostei de conhecer e que decidi ficar de olho nos lançamentos.

Para a minha sorte, recebi seu ultimo lançamento (Muito Além do Inverno) e a nova edição de A Casa dos Espíritos como livro de ação pela editora (não a toa os amo de paixão <3).

Richard Bowsmaster é um professor universitário de sessenta nos que sente estar vivendo somente para esperar que a morte o leve. Em uma noite de nevasca, ao voltar do veterinário (seu gato havia se intoxicado após lamber descongelante), se envolve em uma batida leve com outro carro.

A motorista do outro carro, uma mulher baixinha que estava com pressa de sair do local do acidente, retorna a sua casa horas depois. Falando um espanhol incompreensível pela gagueira, Richard se vê obrigado a recorrer à sua inquilina, a chilena Lucia Maraz.

Juntos, esses três personagens diferentes se unem em uma jornada dramática e quase às margens da lei, na qual descobrem (e redescobrem) que são mais fortes do que supunham ser.

Para Richard e Lucia, além de tudo, o encontro com Evelyn Ortega e seus desdobramentos também significa a redescoberta do amor.

Envolvendo o passado e o presente de seus protagonistas em uma trama única, Muito Além do Inverno tem a vantagem de ser uma história bonita, mas sem grandes atrativos para torná-lo um livro maravilhoso ao menos não aos meus olhos).

Não se pode dizer que os elementos dessa narrativa foram mal montados, na verdade, eles são tão bem construídos que fica difícil não sentir simpatia por Richard, Lucia e Evelyn, mas não posso negar que não senti a vontade avassaladora de continuar lendo que as "histórias incríveis" me desperta.

Um comentário:

  1. Oi Luisa,
    Pena que não gostou tanto assim de Muito Além do Inverno. Só conheço A Casa dos Espíritos da Isabel Allende. Espero que goste deste último.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir

Então, o que achou da postagem?
Vamos, não se acanhe! Será muito prazeroso ouvi-lo! (Mas seja educado por favor. ^^)
Ah sim! Se você tiver um blog, deixe seu endereço para que eu possa retribuir a visita. ;)